Curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo

Com a chegada de novembro começam as decorações, os filmes e preparativos para o Natal no Brasil, data comemorativa mais esperada entre os brasileiros. Em outros países a comemoração do Papai Noel também está entre as preferidas, cada um com seus costumes. Que tal conhecer as curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo? Enquanto alguns comemoram com uma lareira acesa, neve caindo pela janela e gingerbreads, outros assistem o famoso bom velhinho surfando pelas praias. Mastodos compartilham dos mesmos sentimentos que só o Natal pode oferecer: amor, momentos em família e recomeço. 

Curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo
Foto: Pixabay

Para quem ama o Natal e sonha em conhecer a comemoração em diferentes culturas, o post curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo feito pelo Viajar é Vida é pontapé inicial para começar a planejar a próxima viagem no espirito natalino. Confira as dicas abaixo:

Conhecer sobre curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo é uma forma de planejar uma viagem com este foco
Foto: Wikimedia

Curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo: o verdadeiro Papai Noel mora na Finlândia

Símbolo do Natal, perto da celebração da data inúmeros Papais Noel dão o ar da graça nas ruas, lojas e eventos, mas diz a lenda que o verdadeiro velhinho de vermelho só existe um. Ele mora na Lapônia, região ao norte da Finlândia, sua residência e da Mamãe Noel está mais precisamente em uma montanha chamada Korvatunturi, que significa “O monte dos ouvidos”. De lá eles escutam os pedidos e analisam o comportamento de todas as crianças do mundo.

Também ao norte do país e capital da Lapônia está Rovaniemi, um município em que o Natal é comemorado o ano inteiro. Quem viajar para lá encontrará decorações, luzes, enfeites e até belas árvores em todos os meses. Para esse lugar virar um símbolo natalino é muito mais do que uma homenagem à data. Após a Segunda Guerra Mundial, em 1940, Rovaniemi foi praticamente destruída. Foi depois de uma reconstrução e a decisão econômica do “Natal o ano inteiro” que levou de volta o turismo local para a cidade de 63 mil habitantes. Hoje recebe em média 500 mil pessoas por ano. Um verdadeiro milagre natalino.

O país também é repleto de outras tradições. O Natal acontece na Finlândia no auge do inverno. Équando as casas estão brancas da neve, o dia dura menos e a noite chega mais cedo. Por isso, as luzes da data e as velas que decoram as janelas são tão especiais. Elas não só trazem o espirito natalino, como iluminam a escuridão da noite.

E você já ouviu falar dos calendários adventos? Ganhando popularidade no Brasil e até em grandes marcas nos últimos anos, esse costume é muito comum para os finlandeses. Se trata de um calendário que contabiliza a contagem regressiva para o Natal. São 24 dias e cada um é representado por uma porta que guarda uma surpresa, normalmente um chocolate. 

Na Finlândia vive o verdadeiro Papai Noel
Foto: Pixabay

Entre as curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo, os franceses aproveitam a data para fazer as pazes

O Natal na França não é igual em todo o pais, cada região tem as suas tradições, mas um costume os franceses têm em comum: fazer as pazes. Para eles o feriado festivo é sinônimo de perdão e recomeço, por isso procuram seus familiares, amigos ou conhecidos que tiveram algum desentendimento para a reconciliação.

Outra tradição que também ocupa praticamente todo o país e até outras regiões da Europa são os famosos Marchés de Natal, os mercados natalinos. Na França, a atração surgiu na região da Alsácia e com o passar do tempo conquistou mais de 35 cidades francesas. Quem visitar vai encontrar produtos locais e artesanais, que envolvem comidas típicas, itens de decoração e muito mais. O Marché de Natal de Estrasburgo, capital da Alsácia, está entre os mais tradicionais do continente europeu. Esse mercado fica a céu aberto e costuma acontecer de 23 de novembro a 30 de dezembro, das 11h às 20h, com horário especial na véspera de Natal e fechado no dia 25. A entrada é gratuita.

Na Irlanda o Papai Noel é presentado com torta e leite

O Natal na Irlanda começa bem cedo, logo após o Halloween já é iniciada a época de decorações e clima natalino. Na véspera de Natal é servida a ceia para toda a família, com as tradicionais receitas que contam com peru, ganso, presunto ou batata, mas o destaque mesmo fica para a sobremesa. Entre elas não podem faltar as Mince Pies, tortinhas recheadas com frutas secas e especiarias, geralmente cobertas com uma estrela.

À noite, uma vela enfeita as casas e para o Papai Noel é deixada uma torta de frutas acompanhada de um copo de leite, antigamente a bebida era um copo de cerveja Guinnes, mas o costume mudou em nome das crianças.

Quem vai passar o Natal na terra dos irlandeses não pode deixar de festejar os 12 pubs of christimas, uma tradição bem antiga que reúne os amigos ou familiares para passarem por 12 pubs diferentes no final de semana ou alguns dias antes do Natal. O que deixa ainda mais divertido é que cada pub represente uma brincadeira, como beber apenas com a mão que você não usa, trocar de sapatos com um amigo, usar sotaque estrangeiro, falar apenas com letras de músicas ou diálogos de filmes, tirar selfies com estranhos. Elas se tornam ainda mais engraçadas após três ou quatro doses.

Além disso, os participantes não podem esquecer de usar o suéter de Natal, outra tradição da Irlanda. As roupas podem ser apenas coloridas, contar com frases natalinas ou até tocar música. Também entre as curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo, na Irlanda o suéter é tão amado que até empresas criaram um dia para ele conhecido como Christmas Jumper Day. Équando todos devem ir usando a sua peça.

Celebração de Natal na Irlanda é bem diferente e divertida
Foto: Pixabay

Curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo: existe Natal na Índia?

Sendo o hinduísmo e o islamismo religiões predominantes na Índia, surge a dúvida se o Natal que é data tradicional cristã também é celebrado por lá. A resposta é sim. Claro que não com a mesma relevância ou proporção que damos no Brasil, mas os indianos cristãos também celebram o espírito natalino. As tradições são bem parecidas com as brasileiras, ir à missa em família, enfeitar as casas, trocar presentes, preparar uma ceia, entre outras.

Além disso, com o passar dos anos as tradições de Natal passaram a encantar também os indianos não cristãos. A troca de presentes, decoração, momento em família e o espírito da data passaram a ser apreciados por todos, seja no significado comercial ou só as tradições mesmo que acabam ultrapassando as barreiras culturais.

Não espere encontrar árvores decoradas em todas as esquinas ou ruas cheias de Papais Noel, mas não pense também que o Natal passará em branco na Índia.

Para quem quiser conhecer mais da cultura dos indianos, um dos principais festivais da Índia se assemelha muito ao nosso Natal. No Diwali, ou festival das luzes, todas as casas são decoradas com iluminações semelhantes ao pisca de LED, velas e belas mandalas, que são colocadas nas entradas e representam boas-vindas para a entrada de luz.

As famílias costumam passar o momento juntas, quando é feito troca de presentes e doces, já que o símbolo da festa é compartilhar alegrias. O festival acontece entre os meses de outubro e novembro com duração de 5 dias.

Locais como a Austrália levam o Papai Noel para a praia no Natal
Foto: Pxhere

Papai Noel que chega surfando na Austrália está entre as curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo

O Natal na Austrália lembra em muitos pontos a nossa comemoração brasileira, isso porque o clima por lá também é mercado pelo verão. Ao contrário dos tradicionais filmes americanos em que a neve faz parte das características do Natal, na Austrália a comemoração é nas praias, que ficam lotadas de pessoas vestindo roupas temáticas e gorros de Papai Noel. O clima é totalmente de diversão. Para a alegria dos pequenos, o Papai Noel também chega pela praia e o mais legal: surfando.

Uma diferença que faz parte das curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo dos australianos para a nossa comemoração é que para eles não tem ceia e nem véspera de Natal.  Inclusive dia 24 é um dia normal de trabalho, a data é comemorada apenas no almoço do dia 25. Neste dia eles aproveitam para passar o tempo em família e saborear as receitas da época.

Para o almoço de Natal uma nova tradição dos australianos descarta o peru e lombos, trocando-os por um cardápio mais leve, que traz uma variedade de frutos do mar e sobremesas como tortas e sorvetes. No dia seguinte, 26 de dezembro, o feriado continua e é quando ocorre o Boxing Day, dia especial das liquidações, os shoppings lotam em busca das melhores promoções.

E como bons amantes de um festival, não poderiam faltar festivais de Natal na Austrália. Um dos mais famosos acontece em Sydney, o Carols in the Domain, no Royal Botanic Garden, com direito a uma grande festa, shows, comidas e bebidas, fogos de artifício e chegada do Papai Noel.

Curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo revelam diferenças entre países
Foto: Pixabay

Natal cristão no México

Entre os países mais católicos, o Natal do México é muito tradicional e representa bem a essência da data. Os eventos começam no dia 12 de dezembro com a festa da Nossa Senhora de Guadalupe e seguem até fevereiro, todos acompanhados de muita música e o melhor da culinária do México.

No dia 16 de dezembro já tem início um dos eventos natalinos mais importantes para os mexicanos, as Posadas, sendo finalizadas só na véspera de Natal. Durante essas noites procissões encenam a história de Maria na busca por abrigo para dar à luz ao menino Jesus. Nas ruas, crianças andam vestidas de carneirinhos e adultos carregam a imagens de Maria e José. São 9 noites que terminam em festa, com ponche quente e buñuelos, um tipo de massa doce frita. Além dos quitutes, não poderiam faltar as piñatas uma brincadeira que consiste em acertar vendado um objetivo recheado de doces no teto. As cidades que realizam as Posadas mais tradicionais são San Miguel de Allende, Ajijic, Taxco, Santiago de Querétaro e Cidade do México.

São inúmeras outras festas que também marcam o período até a chegada oficial do Natal, como a Noite dos Rabanetes, A Pastoleras e a Festa do Takari. No dia 24, quando ocorre a nossa tradicional ceia, os mexicanos também se reúnem em família para jantar e comemorar. Na decoração, a árvore de Natal é importante, mas o destaque mesmo vai para os presépios, velas e coroas. Além disso, para os mexicanos não é só o Papai Noel que traz presentes, o Rei dos Magos também, em 6 de janeiro, quando eles tradicionalmente servem as “Rocas de Reyes”.

As tradições americanas são mantidas no Brasil
Foto: Pixabay

O Natal dos filmes não poderia faltar nas curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo

O Natal dos Estados Unidos está com certeza entre os mais famosos e conhecidos no mundo. Com filmes clássicos que fazem sucesso até hoje na sessão da tarde, você sabia que na semana natalina por lá também reprisa Esqueceram de Mim, Meu Papai é Noel, Um duende em Nova York e o Grinch? A inspiração cultural norte americana é tão grande que mesmo o Natal do Brasil acontecendo no verão de 40 graus, boa parte da decoração brasileira leva neve falsa, remetendo ao inverno deles.

Mas, mesmo muito similar na essência, algumas características acabam sendo únicas dos norte-americanos. A primeira é que nos mercados dos Estados Unidos você não vai encontrar os nossos tradicionais chocotones e panetones. Em vez disso eles mantém como tradição os gingerbreads, o famoso biscoito de gengibre do Shrek, lembra? Além disso, nos filmes você com certeza já viu alguém sendo presentado com uma bengala de açúcar, o formato desse doce faz referência aos cajados dos pastores que visitaram Jesus quando bebê, por isso está associado ao Natal.

As decorações já começam logo após o feriado de ação de graças, eles realmente levam muito a sério essa etapa e vira até uma “competição saudável” entre vizinhos para ser a casa mais bonita e decorada da região. A árvore utilizada, ao contrário da nossa artificial, é verdadeira e faz parte da tradição das famílias se reunirem para escolherem juntos o enfeite em uma fazenda. Assim como para os australianos, os americanos também consideram o Natal apenas no dia 25 de dezembro, quando as crianças acordam cedo com os presentes nas árvores e o almoço em família é servido.

Por ser no inverno, muito do Natal é representado pela estação no país. Por isso, faz parte das tradições natalinas os bonecos de neve, fazer o formato dos anjos no chão, a neve caindo e, claro, chocolate quente e lareira.

Qual tradição de Natal entre as curiosidades e tradições de Natal ao redor do mundo você mais se identificou e já colocou na lista da próxima viagem? Conte tudo para o Viajar é Vida.


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*