O que fazer em Istambul na Turquia

O fato de ser a única cidade do mundo que está localizada em dois continentes já seria elemento suficiente para querer visitar Istambul. Mas além de se dividir entre a Europa e a Ásia, esta que é uma das mais belas cidades turcas tem muita história, arquitetura, boa gastronomia e hospitalidade. Por isso o Viajar é Vida traz uma lista sobre o que fazer em Istambul na Turquia.

Situada às margens do estreito de Bósforo, a parte da cidade velha carrega muitas influências culturais. Por aqui ocorreram as corridas de biga, há resquícios de impérios egípcios e uma grande referência bizantina que é a Basílica de Santa Sofia, uma obra do século 11. São 15 milhões de habitantes e dezenas de atividades para fazer. Vamos então conhecer o que fazer em Istambul na Turquia?

Planeje-se para conhecer o Museu de Arqueologia

O Museu de Arqueologia de Istambul é um marco na história dos museus turcos e sua herança remonta quase 600 anos. Tantos tesouros históricos foram contrabandeados para o exterior até que o Museu de Arqueologia de Istambul foi aberto para preservar e exibir os artefatos mais preciosos.

Vale destacar que os edifícios que o abrigam estão entre as 10 principais estruturas projetadas especificamente como um museu no mundo. As coleções datam do período do Sultão Mehmet e foram herdadas dos otomanos. A geografia e história férteis garantem a este espaço obras invejadas em todo o planeta.

O funcionamento é de abril a outubro, das 9h às 19h. Nos outros meses é preciso consultar, mas geralmente é das 9h às 17h. Para chegar lá, uma das dicas é caminhar a partir da parada Gülhane na linha de bonde Bağcılar-Kabataş. Se você estiver chegando do lado da Anatólia, pegue uma balsa para Eminönü ou Kabataş e depois mude para a linha de bonde.

O Museu Arqueológico de Istambul está entre os mais importantes do mundo pelas descobertas históricas que possui
Foto: divulgação

O que fazer em Istambul na Turquia: Palácio Beylerbeyi

O Palácio de Beylerbeyi foi construído na parte asiática de Istambul, de frente para o estreito de Bósforo com uma mistura dos estilos ocidental e oriental. Serviu como casa de verão para os diferentes sultões do século 19 que gostavam de aproveitar o clima mais fresco da beira da água. O sultão Abdulaziz iniciou a construção e por sua paixão pelo mar adornou algumas das molduras e bordas dos tetos do Palácio Beylerbeyi com temas marítimos e navais. Chegou a fazer esboços de temas marinhos e navais para transmitir suas ideias aos pintores. O prédio foi moradia dos sultões somente até 1918. De lá para cá virou atração turística. Atualmente abre todos os dias (com folga às segundas e quintas-feiras). O atendimento é das 9h às 16h, mas somente com agendamento feito pelos guias registrados pelas autoridades de turismo.

A história local é contada pelo que foi deixado pelos sultões.
Foto: divulgação

Museu do Palácio Dolmabahçe também entre o que fazer em Istambul na Turquia

O palácio Dolmabahçe foi construído pelo sultão Abdülmecid, o 31º sultão otomano. Foram mais de 13 anos de trabalho para finalizar a estrutura já em estilo europeu (o primeiro deste tipo de Istambul). Custou o equivalente a 6 milhões de dólares na época, graças às toneladas de ouro e prata que foram usadas para ornamentar os tetos e as paredes do palácio.

O edifício principal corre paralelo ao mar e é composto por três pisos, incluindo a cave. As influências ocidentais são evidentes na forma, nos detalhes e na ornamentação e refletem a mudança dos valores estéticos nos estágios finais do Império. Por outro lado, em termos de organização do espaço, dimensões dos quartos e halls, ainda representa a planta tradicional da casa turca aplicada em grande escala.

Os prédios carregam muito da história de períodos como o otomano e o bizantino
Foto: divulgação

Natureza real ou imaginária para a diversão dos filhos

Você pode se encantar com as borboletas se em sua lista sobre o que fazer em Istambul estiver a Istanbul Butterfly Farm. Ela é uma área verde de 5 acres cercada por florestas onde borboletas tropicais voam no Parque Botânico. Esta é a primeira fazenda de borboletas de toda a Turquia e foi fundada pelo professor aposentado Çiğdem Ünlü em Beykoz. Uma ótima pedida com os filhos pequenos também.

Ainda com crianças, é bacana conhecer o Jurassic Land que possui 10 mil metros quadrados. Ele é o único parque temático de dinossauros da Turquia e o maior da Europa, onde famílias com crianças podem passar ótimos momentos.

Outra possibilidade sem Istambul é conhecer a fazenda de borboletas
Foto: divulgação
o que fazer em Istambul na Turquia: conhecer o Jurassik Park Land
Foto: divulgação

O que fazer em Istambul na Turquia: visitar o Museu Hagia Sophia

Hoje museu, o Hagia Sophia serviu de igreja por 916 anos e mesquita por outros 481. Some toda essa idade e perceba quão grandioso e interessante é este prédio. Este monumento é uma das estruturas sobreviventes mais proeminentes do patrimônio histórico mundial.

Os historiadores bizantinos sugeriram que a primeira Hagia Sofia foi construída durante o reinado do Imperador Constantino o primeiro (324-337). Esta estrutura de planta de basílica com um telhado de madeira foi destruída por um incêndio durante um levante. Nenhum resto sobreviveu até nossos dias.

Daí em 415 o imperador Teodósio II mandou construir Hagia Sophia pela segunda vez. Novo incêndio e desta vez o imperador Justiniano (527-565) optou por construir uma igreja maior do que as duas primeiras estruturas de Hagia Sophia. A conclusão foi em dezembro de 537. Além da arquitetura, os mosaicos de Hagia Sophia são de grande importância.

A suntuosidade é algo comum nos palácios de Istambul
Foto: divulgação

Palácio de verão Küçüksu também na lista de atrações de Istambul

Os primeiros registros datam do período bizantino nesta região do Bósforo, onde o Palácio está localizado. Outra construção centenária, esta tem o pavilhão com três pisos incluindo cave. A arquitetura reflete a tradicional casa turca utilizada tipicamente para descanso e caça. Ao contrário de outros palácios, não é cercada por altos muros, mas por elegantes cercas de ferro fundido com portões voltados para quatro direções. Quem admira arquitetura, vai logo perceber que há influência ocidental na fachada à beira-mar e nas escadas da construção. Durante algum tempo, foi utilizada como pousada pública no período da República e atualmente tem o estatuto de palácio-museu.

A arquitetura é algo que realmente impressiona  em Istambul na Turquia
Foto: divulgação

A riqueza cultural de Istambul é realmente impressionante. Neste conteúdo sobre o  que fazer em Istambul na Turquia o Viajar é Vida apresentou principalmente monumentos históricos em que a arquitetura e os fatos históricos são muito relevantes. Você já esteve por lá? Que outros atrativos sugere para podermos fazer uma nova lista? Deixe nos comentários.


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*