O que fazer à noite em Paris?

Se você está pensando em viajar para a capital da França, o Viajar é Vida mostra o que fazer à noite em Paris. Se não sabe nada sobre essa linda cidade, como entrar no país, onde ficar e quais lugares visitar, nós vamos apresentar a você.

Se você é uma pessoa que gosta de sair de noite, Paris é o local perfeito. Essa cidade possui diversos locais de diversão, desde bares, casas noturnas, cabarés e até mesmo baladas dos mais diversos estilos.

Além disso, daremos dicas de quais restaurantes frequentar. Paris possui uma gama muito grande de restaurantes prontos para atender turistas, desde os mais sofisticados até os mais simples que tem um preço mais acessível. Para finalizar, daremos algumas dicas para complementar a sua viagem. Então, não perca tempo e saiba mais detalhes. 

O que fazer à noite em Paris?
Foto: Nicolas/Pexels

O que fazer à noite em Paris? Visitar a Torre Eiffel

Sendo um dos maiores pontos turísticos do mundo, as noites em Paris podem ser bem agitadas levando em consideração os variados lugares que pode-se frequentar. Obviamente que a Torre Eiffel é um dos pontos turísticos mais badalados de Paris. Durante a noite mais de 300 projetores são acendidos, iluminando assim toda a torre. Sendo assim, ver o monumento iluminado de noite é uma obrigação de todo turista, mesmo que você já tenha visto ela durante o dia.

Além disso, é possível subir nela, tendo uma visão panorâmica de toda a cidade iluminada. Mas, se você tem medo de altura é bom se preparar psicologicamente antes, afinal, são cerca de 300 metros de altura. 

O que fazer à noite em Paris? Visitar a Torre Eiffel
Foto: Alex Azabache/Pexels

Rio Sena também na lista do que fazer à noite em Paris

O Rio Sena é muito popular pelos seus passeios românticos e encantadores. A bordo de um cruzeiro, você passará por alguns pontos da cidade mais encantadores e que talvez já tenha visto na internet. Você terá a oportunidade de ver o Louvre, a Ponte das Artes, a Assembleia Nacional, a Catedral de Notre Dame e a fabulosa Torre Eiffel.

Durante todo esse caminho, o que encanta as pessoas é que o rio está muito próximo de várias construções históricas, O brilho das atrações é capaz até mesmo de emocionar qualquer pessoa. Além disso, é uma ótima oportunidade de conhecer Paris. 

Rio Sena também na lista do que fazer à noite em Paris
Foto: Daria Shevtsova/Pexels siena

Observatório da Torre de Montparnasse na programação

Para quem quer ver a Torre Eiffel e a cidade de um outro ângulo, subir no observatório da Torre de Montparnasse é uma ótima ideia. Esse observatório tem uma vista fantástica, tendo cerca de 210 metros de altura ele é todo projetado com vidro.

Esse observatório fica aberto ao público tanto no período da manhã quanto no da noite, mas, se você quer ver a Cidade Luz brilhando, vá ao entardecer pois é quando a cidade se torna ainda mais encantadora. E, se você gosta de história e exposições, no local há uma mostra de fotos antigas da cidade todos os dias. 

Leia também

Bares para curtir quando a noite cai

Se você gosta de lugares um pouco mais agitados durante a noite, você gostará muito dos bares que ficam nas regiões boêmias da cidade, como o Montmartre e o Pigalle. Além disso, tem o bairro Quartier Latin e a região da Champs-Élysées, sendo que todos ficam no Centro da cidade.

Esses locais começam a receber clientes assim que o sol se põe, mas o melhor horário é por volta das 22 horas, quando tem mais pessoas no local para conversar. Então, se você quer conhecer e degustar drinks elaborados, vinhos e boas cervejas francesas, o que não falta é opções em Paris. 

Bares para curtir quando a noite cai
Foto: Matt Hardy/Pexels

Cabarés para você conhecer

Essa cidade é completa e não deixa seus turistas sem diversão alguma. O cabaré mais famoso e que você precisa visitar é o Moulin Rouge. Inaugurado em 1889, a casa de shows oferece além de uma apresentação glamorosa onde são exibidos números do famoso cancan, serve também um jantar.

Agora, se você prefere algo mais moderno e tecnológico, você gostará do  Crazy Horse, que apresenta um show com muita sensualidade e emoção, além de oferecer um ótimo jantar. Caso você não goste de nenhuma dessas opções, ainda tem o Lido e o Paradise Latin, onde é possível encontrar pessoas mais jovens. 

Cabarés para você conhecer
Foto: Kei Scampa/Pexels

Opera Bastille é outra diversão na noite parisiense

Se você gosta de Ópera, a capital francesa pode oferecer essa diversão. Com uma variedade de espetáculos, a Ópera Bastille oferece apresentações que vão desde as mais clássicas, como a “La Bohéme” e a “A Flauta Mágica” até as mais atuais.

A Ópera Bastille fica situada no bairro Bastille, centro de Paris. Foi inaugurada em 1989 e sua estrutura arquitetônica foi feita pelo arquiteto Carlos Ott. Esse arquiteto pensou em uma estrutura que possuísse um ótimo som acústico, que foi alcançado, sendo atualmente algo muito apreciado pelos parisienses. Sendo construída no local de uma antiga estação de ferrovia e de viaduto. 

Opera Garnier na lista sobre o que fazer à noite em Paris

Inaugurada no dia 5 de janeiro de 1875, a clássica Ópera Garnier, conta com diversas apresentações. A arquitetura do local tem como responsável o arquiteto Charles Garnier. Além disso, por ser um local de estrutura antiga, oferece passeios guiados para apreciar a sofisticada arquitetura antiga, algo muito comum em Paris. 

O local conta com espaço para 1.979 pessoas, que podem se acomodar em cadeiras de veludo, tendo um dos maiores palcos de toda Europa, tem capacidade para caber 450 artistas. Sem dúvida, esse é um dos passeios que você não pode deixar de fazer em Paris à noite. 

Opera Garnier na lista sobre o que fazer à noite em Paris
Foto: Pixabay

Seu próprio tour em Paris

Além de conhecer a cidade junto com seu grupo de viagem, você pode fazer um tour pela cidade no seu ritmo, assim você poderá apreciar melhor cada lugar dessa encantadora cidade. Sendo assim, no primeiro dia você pode passear pelo Rio Sena.

Ao passear de barco você conseguirá ver a Catedral de Notre-Dame, a Réplica da Estátua da Liberdade em frente à Torre Eiffel, o Museu do Louvre, a Praça da Concórdia e o Palácio da Justiça. Dessa forma, você não ficará cansado e ainda terá como apreciar os locais com calma. 

Tour por Restaurantes

Além de todos os lugares que foram citados aqui que servem jantares, Paris possui muitos restaurantes preparados para receber seus turistas. A Cidade da Luz possui restaurantes desde os mais sofisticados e caros até os mais baratos.

O restaurante Le Grand Véfour é um dos mais antigos de Paris, inaugurado em 1784 possui uma estrutura sofisticada, assim como o restaurante L’Ambroisie, que foi inaugurado em 1986. Além desses, Paris conta com os restaurantes Paradis du Fruit, Del Arte, Da Rosa e Le Buci que possuem pratos em torno de 18 euros. 

Tour por Restaurantes
Foto: Daria Shevtsova/Pexels

Baladas na sua lista noturna

Se você gosta de baladas e não quer ficar sem ir em uma quanto estiver em Paris, a cidade francesa oferece essa diversão. Uma das baladas mais conhecidas em Paris é a Le Dandy, que tem como foco um público moderno e sofisticado. A Queen Club também é muito famosa devido David Guetta ter sido diretor artístico lá antes de se tornar DJ’s.

Mas, caso você queira ir em uma balada que seja mais descontraída, a La Machine du Moulin Rouge é perfeita para você. Nessa balada você poderá fazer amigos e curtir diferentes estilos musicais. Se você é jovem e gosta de Rap e Pop, com certeza você irá gostar da casa de show Showcase. 

Sobre dicas e cuidados de noite em Paris

Agora que você já sabe quais locais conhecer em Paris, é importante saber algumas coisas a mais, como se as noites em Paris são seguras e como comprar um chip, por exemplo. Veja mais a seguir! 

Paris é segura de noite?

Antes de viajar para qualquer cidade de outro país, é importante checar se o local é seguro. Para nós brasileiros, que estamos acostumados com um alto índice de assalto, Paris é uma cidade muito calma em relação a isso. Os centros da cidade, onde ficam os pontos turísticos são muito seguros.

Os lugares mais violentos são nos bairros mais pobres. De um modo geral, turistas, em específico mulheres, é importante que não entrem em vagões de trens de noite ou quando o mesmo estiver vazio caso você esteja desacompanhada.

Como se locomover em Paris

Se você é um turista e está em Paris, não é difícil se locomover pela cidade, pois existem diversas maneiras de chegar nos pontos turísticos. A primeira opção é alugar um carro, assim você consegue conhecer a cidade e fazer compras tranquilamente, a outra opção é o táxi, porém, sai um pouco mais caro do que alugar um carro particular.

Um dos meios de transporte mais usados pelos parisienses e turistas é o transporte público, metrôs e ônibus. Esses meios de transporte são bem em conta e com ele você poderá conhecer todos os pontos turísticos de Paris. Para isso, você precisará saber quantos dias vai passar em Paris e comprar seus passes (tickets).

Seguro viagem

O seguro viagem é algo que quase todos os países da Europa exigem de pessoas que estão entrando no país. O seguro viagem é um plano que você irá contratar, esse plano abrange vários serviços que você venha a precisar, como assistência médica, odontológica, seguro de vida e até reembolso caso haja extravio de bagagens.

Além disso, a França exige que o seu seguro de viagem cubra um plano de saúde de no mínimo 30 mil euros, o que equivale a R$ 190.000. Logo, apenas uma consulta na França pode chegar a custar cerca de 500 euros, um pouco mais de R$ 3.000. 

Chip de celular

Certamente se você for viajar para Paris e for passar um pouco mais de uma semana, vai precisar de um chip internacional para fazer ligações locais ou para o Brasil, por exemplo. Sendo assim, um dos tipos de chips mais indicados são os Pré-Pagos Internacionais. Com este chip, você consegue fazer ligações para o Brasil e usar em outros países. 

Além desse tipo de chip, tem os Pré-Pagos de empresas europeias. Com esse tipo de chip você consegue fazer ligações, usar internet por um preço acessível. A melhor parte, é que esse tipo de chip pode ser entregue na sua casa quando estiver aqui no Brasil. 

Faça reservas

Primeiramente, antes de ir para Paris, se você estiver indo independente, é importante que você faça reservas, começando pelo local em que você ficará hospedado. Por ser uma capital turística, é muito comum não conseguir vagas de última hora. A mesma atenção vale para os restaurantes, a maioria deles precisam de reservas, principalmente os mais famosos.

Onde se hospedar

Antes de começar a procurar um local para se hospedar, é importante entender que Paris é dividida em 20 arrondissements principais. Ao olhar no mapa essa divisão você notará que elas são distribuídas em formato de um caracol. Os arrondissements de 1 a 7 é a parte onde fica os pontos turísticos da cidade, logo é a parte mais próxima do centro.

Essa numeração vai de acordo com a proximidade do centro de Paris, portanto, quanto mais longe do centro maior o número e mais distante você ficará. De um modo geral, os melhores bairros para ficar são os que estão entre os arrondissements 1 a 7.  

As noites de Paris são agitadas e têm muita personalidade! O que fazer à noite em Paris?

Paris é uma das cidades mais encantadoras de toda Europa. Sendo muito famosa pelos seus pontos turísticos, como a Torre Eiffel, a Catedral de Notre Dame e o Rio Sena, a Cidade Luz é um belo lugar para passeios românticos e de diversão como você pôde ver ao longo deste artigo.

Além disso, você pôde aprender quais lugares visitar durante a noite quando estiver na cidade. Lugares são o que não faltam, desde bares, baladas e casas de ópera, você encontrará no centro de Paris. Além disso, você aprendeu que é possível fazer seu próprio tour pela capital francesa.

Para finalizar, demos algumas dicas finais, como se locomover dentro de Paris, onde comprar um chip e onde se hospedar. Ao contrário do Brasil, o índice de violência em Paris é pouco, principalmente se tratando do centro da cidade. Sendo assim, não perca tempo e conheça Paris! Se já passou por lá, conte sua experiência aos leitores do Viajar é Vida. Deixe sua história nos comentários.  


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*