Coisas legais para fazer em Paraty

Desde os séculos 17 e 18 a cidade apresenta seu charme aos visitantes de outros lugares. Foi durante o período do ciclo do ouro brasileiro e funcionava como um porto. Hoje é atrativo turístico para viajantes que buscam coisas legais para fazer em Paraty.

Com 43 mil habitantes, uma costa recortada de verde em frente a um mar que varia entre os tons de verde e azul, Paraty está entre Rio de Janeiro e São Paulo. A cidade mantém o centro colonial português deixado pelos colonizadores e até hoje apresenta a quem chega obras arquitetônicas como a Capela de Santa Rita, construída em 1722 à beira-mar. Tanta beleza e charme fizeram com que Paraty fosse considerada patrimônio mundial desde 2019. Informações históricas, atrações turísticas, atividades para curtir e espairecer. O Viajar é Vida mostra agora as coisas legais para fazer em Paraty.

Coisas legais para fazer em Paraty: conhecer o centro histórico
Foto: Clara TCHOUBE/Pixabay

Quer circular de carro por Paraty e região?

A dica é alugar um carro da Localiza. A empresa especializada em aluguel de carros no Brasil e na América Latina tem 41 anos de experiência em mobilidade. São 540 agências nas principais cidades e aeroportos do Brasil, além da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai. A frota da Localiza conta com mais de 125 mil carros disponíveis, você escolhe o tipo de veículo que melhor se encaixa à sua necessidade. Clique aqui para alugar o seu carro.

Conteúdo parecido

A capela central é obra arquitetônica colonial em Paraty
Foto: Mauro Segura/Pixabay

Entre as coisas legais para fazer em Paraty está conhecer o Parque Nacional da Serra da Bocaina

Somando 104 mil hectares de área, o Parque Nacional da Serra da Bocaina é uma das maiores áreas protegidas da Mata Atlântica de todo o Brasil. Fica num  trecho de Serra do Mar, entre os estados do Rio de Janeiro e São Paulo. O relevo local leva o parque a altitudes maiores do que 2 mil metros o que também apresenta uma riqueza de fauna e flora. Os visitantes poderão conhecer o Caminho de Mambucaba (também conhecido como Trilha do Ouro e que o Viajar é Vida destacará mais abaixo), cachoeiras como a de Santo Isidro, das Posses e do Veado, a Pedra do Frade e a Praia do Caxadaço. Perceba a diversidade de paisagens num mesmo parque. Certeza de momentos incríveis, junto à natureza.

Um misto de matas e praia faz Paraty ter muitas coisas legais para curtir
Foto: Jose Antonio Núñez/Pixabay

Caminho de Mambucaba é uma trilha caprichada

A Trilha do Ouro no Parque Nacional Serra da Bocaina é uma das mais tradicionais caminhadas de montanha do Brasil. Apesar de longa, não é de nível tão elevado. A trilha teria sido aberta por índios, mas acabou ganhando pedras durante o período colonial, colocada por escravos por ordem dos portugueses.

Para completar todo o trajeto são necessários 3 dias, com percursos diários de 6 horas de caminhadas. As vantagens são os rios, cachoeiras e muita mata pelo caminho até a chegada em Angra dos Reis. Os viajantes observarão por exemplo a Cachoeira dos Veados, com cerca de 200 metros de queda d’água.

Atente-se ao melhor período para cumprir o passeio. De maio a agosto é o período com menos chuvas, embora você tenha que encarar temperaturas baixas. Já de setembro a abril, os riscos estão nas chuvas fortes repentinas. No entanto, nada que um apaixonado por trilhas deixe interferir no desejo de cumprir mais esta missão.

Praia do Sono na lista de coisas legais para fazer em Paraty

Para chegar a esta bela praia de Paraty é preciso ou fazer uma trilha a pé ou pegar uma van e depois um barco na entrada do Condomínio Laranjeiras. Pela trilha, aos finais de semana, sempre haverá muitos outros viajantes fazendo o mesmo percurso. O trajeto tem cerca de 3 quilômetros, é uma trilha de nível moderado e geralmente é cumprido em uma hora.

Não se esqueça de levar mochila com água e um lanchinho. Boa dica também é usar tênis e tirar apenas na areia da praia. Para quem gosta de natureza ainda preservada, vai amar a Praia do Sono que está entre as coisas legais para fazer em Paraty.

Trilha ao cume da Pedra da Macela mostra Paraty de outro ângulo

Batizada de Pedra da Macela, este pico na Serra do Mar é a divisa entre os estados de São Paulo e Rio de Janeiro. Possui 1840 metros de altitude e o acesso principal ocorre pela cidade de Cunha, no lado paulista. Apesar de belíssimo, é preciso conhecer a região ou visitar o local com um guia, principalmente porque não há infraestrutura turística ou espaço para acampamentos. Durante a trilha, fique atento à área privada de propriedade da Companhia Energética Furnas.

O nome do monte é uma lembrança à quantidade de arbustos de macelas silvestres por toda a encosta. De março a maio, as cores da planta em tons amarelados levam os viajantes até o topo da montanha. A partir da base da montanha (que é até onde se chega de carro), uma trilha concretada de cerca de 2 quilômetros leva ao cume. É um percurso bem inclinado, mas compensa. Nos dias de céu limpo, é possível observar toda a cidade de Paraty e o mar.

Do alto é possível ter uma outra vista. E as trilhas estão na lista de coisas legais para fazer em Paraty
Foto: Cristina Cavoto/Pixabay

Leia também

Quer viajar de ônibus pelo Brasil?

A ClickBus surgiu para facilitar a compra de passagens rodoviárias pela internet. São mais de 4 mil e 600 destinos com diferentes opções de rotas ao usuário que busca conforto e comodidade ao realizar suas compras sem sair de casa. ClickBus: clique aqui e faça sua compra!

Praia do Jabaquara tem bloco de carnaval na lama e certamente estaria entre as coisas legais para fazer em Paraty

Maior das praias da região central de Paraty, Jabaquara possui um grande manguezal onde ocorre a presença de várias espécies da vida marinha, como peixes, moluscos e crustáceos. As águas muito calmas são relaxantes e ideais para a prática de esportes náuticos como vela e canoagem. Perto dali fica o centro da cidade.

A Praia do Jabaquara ganhou fama também por ser palco do desfile de carnaval do Bloco do Lama, que existe desde 1986. Os participantes se sujam com a lama do manguezal e incorporam adereços como palha e outros materiais orgânicos que remetem aos antepassados. Anualmente a festa recebe cerca de 4 mil foliões.

Muita diversão nas várias e belas praias
Foto: Elaine Rodrigues Lan/Pixabay

Praia do Meio é ideal para levar crianças

Quem tem criança vai adorar aproveitar a Praia do Meio onde o mar é tranquilo e raso. A praia é uma enseada com boa infraestrutura. Por aqui o viajante encontra bares, quiosques, passeios de barco, e aproveita muito as várias atividades. É uma das mais cheias de Paraty e o ponto de partida das trilhas que levam às piscinas naturais do Cachadaço. Se optar, o viajante pode também pegar um barco que leva às piscinas. 

A Praia do Cachadaço é parte integrante do Parque Nacional da Serra da Bocaina. Para chegar pela trilha partindo da Praia do Meio é necessário subir o morro que faz a separação das duas. Cachadaço chama a atenção pela faixa de areia larga e extensa, com muita Mata Atlântica. O mar é agitado e mais perigoso. Fique atento. Outro fator que exige atenção: há apenas uma casa de uma antiga moradora no meio da praia, onde funciona um barzinho. No final da orla, uma nova trilha leva às piscinas naturais.

O apelo náutico é um elemento turístico forte por aqui
Foto: Bruna Mereu/Pixabay

Coisas legais para fazer em Paraty: Saco do Mamanguá

Outro elemento que encanta os visitantes é o Saco do Mamanguá, uma entrada de mar com 8 quilômetros de extensão e 2 de largura onde se formam 33 praias e onde vivem 8 comunidades caiçaras.

Esta é uma região considerada o único fiorde brasileiro, ou seja, é o único lugar do Brasil onde o braço de mar adentra entre as montanhas, algo muito comum em lugares como a Noruega. Programa-se para fazer a trilha que leva até os morros para ver de perto esse cenário cinematográfico.

Coisas legais para fazer em Paraty: visitar o Saco do Mamanguá
Foto: Bruno Urso/Pixabay

Ilha do Pelado é natureza genuína em Paraty

Com 4 praias em 108 mil metros quadrados, a Ilha do Pelado merece sua atenção. As partidas de barco saindo de Paraty custam cerca de R$ 50 para duas pessoas incluindo a ida e a volta. Você paga para seguir com o transporte e passa um dia inteiro curtindo o sol, o mar e as belezas naturais deste trecho do Brasil. A vantagem é que a ilha mantém bares e restaurantes que servem comidas e bebidas, embora o melhor seja fazer uma visita na baixa estação para evitar as aglomerações e filas para comer ou beber.

Você sabia sobre as coisas legais para fazer em Paraty? O Viajar é Vida quer ouvir a sua opinião e as suas dicas sobre este trecho do litoral fluminense. Deixe nos comentários.


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*