O que fazer na Argentina no inverno

Para os amantes do frio e do turismo de aventura, o Viajar é Vida traz dicas sobre o que fazer na Argentina no inverno. Os roteiros são um oferecimento da Civitatis, agência de turismo on-line, portal com atividades, excursões e visitas guiadas em mais de 600 destinos. A empresa possui fornecedores e parceiros locais em todos os continentes, guias de viagens gratuitos e visitas guiadas nas principais cidades do mundo. E a Civitatis é parceira do Viajar é Vida. Acesse os links ao longo do conteúdo e adquira seus melhores momentos sabendo direitinho o que fazer na Argentina no inverno.

O que fazer na Argentina no inverno
Foto: Ana Larrea/Pixabay

Tour privado completo por Bariloche entre o que fazer na Argentina no inverno

Que tal um tour privado completo por Bariloche? Com guia em português, o circuito leva cerca de 9 horas. Com esta rota privada, você visitará lugares incríveis da província de Rio Negro, como o lago Gutiérrez, o cerro Catedral, a Colônia Suíça ou o Circuito Chico. O guia pegará você no hotel às 9h, com primeira parada na famosa Calle Onelli, uma das avenidas comerciais mais importantes da cidade. A seguir, você atravessará diferentes bairros do centro urbano e pegará a Rota Nacional 40 para ir até a costa oriental do lago Gutiérrez.

Depois de contornar o litoral do lago, rodeado por um charmoso bosque, você chegará com o seu guia na cascata de Los Duendes. Após uma caminhada de 30 minutos por essa bela catarata patagônica irá até a gruta da Virgem das Neves. De lá, caminhará até o cerro Catedral: um dos principais centros de esqui da América do Sul.

O trajeto prevê ainda um passeio pela base da montanha e, se as condições meteorológicas forem favoráveis, você poderá subir por conta própria no teleférico do cerro Catedral, que costuma abrir a partir do dia 15 de junho. Após conhecer as instalações do centro invernal, continuará o tour pela estrada do rio Casa de Piedra. A rota seguirá no mirante do lago Perito Moreno e na Colônia Suíça, cujas casas tradicionais de madeira são como as dos Alpes suíços.

Você terá uma hora livre para almoçar na Colônia Suíça. Depois, com o guia, seguirá pela estrada o chamado Circuito Chico, um trajeto entre os lagos Perito Moreno e Nahuel Huapi. Nessa rota, também passará em frente ao conhecido Hotel Llao Llao, um verdadeiro símbolo da região. A última parada será aos pés do cerro Campanario, onde quem quiser, poderá subir por conta própria no teleférico da montanha se as condições forem favoráveis. Finalmente, às 18h, voltaremos ao seu hotel de Bariloche.

Tour privado completo por Bariloche entre o que fazer na Argentina no inverno
Foto: florcos/Pixabay

Trilha pelo glaciar Perito Moreno com passeio de barco

Um guia que fala espanhol e inglês comanda esta trilha que leva cerca de 12 horas está nesta dica sobre o que fazer na Argentina no inverno. Caminhar sobre o campo de gelo do Perito Moreno é uma experiência única que você recordará para sempre. Além de fazer uma trilha, com esta excursão aproveitará de uma bela travessia pelo Parque Nacional Los Glaciares.

A equipe pegará você às 7h no seu hotel de El Calafate. Depois de um trajeto de uma hora, chegarão ao porto Bajo las Sombras, onde começará um passeio de barco pelo Parque Nacional Los Glaciares. Durante 20 minutos, você navegará pelo sul do lago Argentino, na zona do Brazo Rico, até desembarcar na margem oposta e, depois de se preparar com os equipamentos de segurança, começara a trilha de 4 horas. Você caminhará pela parte sul do glaciar Perito Moreno, onde observará lagoas azuis, profundas gretas e enormes sumidouros. Serão feitas várias paradas durante a trilha, que está dividida em diversas etapas para que você possa admirar com calma as colinas Dos Picos, Pietrobelli e Cervantes. Você também terá meia hora livre para repor forças neste manto branco. Não se esqueça de trazer seu próprio lanche.

Depois de comer, o grupo iniciará uma nova trilha de uma hora até a margem do lago Argentino. Lá, desfrutará de outra travessia entre os glaciares, navegando 7 quilômetros até as passarelas do Perito Moreno. Depois de contemplar o glaciar mais famoso da Argentina, navegará de volta ao porto Bajo Las Sombras. De lá, regressará finalmente ao seu hotel de El Calafate, onde chegará por volta de 19h.

Trilha pelo glaciar Perito Moreno com passeio de barco
Foto: Nancy Martinez

Leia também

O que fazer na Argentina no inverno? Pode ser conhecer um vulcão?

Já pensou em fazer uma excursão privada ao vulcão Galán? Pois esta aventura de 7 horas com guia falando em espanhol vai fazer você ficar ainda mais impressionado pelas paisagens do vulcão Galán. A equipe da Civitatis pegará você no hotel para seguir rumo ao norte da província argentina de Catamarca em um veículo 4×4.

Você atravessará as extensas paisagens andinas do departamento de Antofagasta de la Sierra, onde está situada a caldeira do vulcão Galán. Nas ladeiras desse majestoso pico de 5.912 metros de altitude, contornará os diferentes lagos que rodeiam todos os conjuntos montanhosos. Entre as principais lagoas do vulcão Galán, se destacam as de Cavi, Diamante, Pabellón e Grande. Com certeza, você ficará impressionado com a claridade desses aquíferos, pois as montanhas dos arredores se refletem muito nitidamente nas suas águas. Você poderá desfrutar dessas magníficas paisagens enquanto recarrega as energias com o seu próprio piquenique.

Após comer, o grupo contemplará as diferentes formações rochosas que rodeiam as montanhas e, também visitará o mirante do vulcão Galán. Você terá a chance de entrar na cratera para apreciar melhor as dimensões dessa enorme caldeira.

Na continuação deste tour privado pelo vulcão Galán, você visitará a sua região de fumarolas e águas termais. Nesses lugares, conhecerá também alguns aspectos sobre a vulcanologia e geologia local, pois essa parte da América do Sul é ideal para o estudo da natureza andina. Por fim, será levado de volta ao hotel depois desta aventura.

O que fazer na Argentina? Pode ser conhecer um vulcão?
Foto: Diego Delso/Wikipedia

Salar del Hombre Muerto é outro atrativo do inverno argentino

Excursão privada ao salar del Hombre Muerto é outra aventura junto à natureza no melhor da paisagem argentina. Com guia falando em espanhol durante o trajeto de 9 horas, você será levado em um veículo 4×4 até a zona mais ao norte da província argentina de Catamarca. Você atravessará várias regiões de Antofagasta de la Sierra, onde visitará esse munícipio e o vulcão Alumbrera. Além do mais, contemplará essas paisagens do cerro San Juan, que irá oferecer magníficas panorâmicas dos arredores.

Seguindo a rota dos mirantes de Paicuqui e do rio Punilla, você conhecerá as belas vistas e chegará, enfim, ao salar del Hombre Muerto. Trata-se de uma grande depressão de altura, situada a 4.000 metros, que abriga um grande depósito subterrâneo de cloreto de sódio.

De onde vêm o curioso nome do salar? Como foi formado? Estas e outras respostas respostas a diferentes perguntas serão dadas no local. Além da paisagem, você visitará a antiga mina pré-colombiana de Incahuasi e, de lá, será levado de volta a Antofagasta de la Sierra. Após uma breve parada nesse povoado, voltaremos ao seu hotel de El Peñón, onde deverá chegar por volta de 9 horas depois do início.

Salar del Hombre Muerto é outro atrativo do inverno argentino
Foto: Civitatis

Excursão às termas de Gualeguaychú também na lista do que fazer na Argentina no inverno

Com um motorista à disposição por volta das 10h, você será levado até o povoado General Belgrano. Lá, se encontram as famosas termas de Gualeguaychú, onde você terá cinco horas e meia livres para relaxar em suas piscinas. O centro aquático de Gualeguaychú conta com pequenas piscinas de água salobra, tanto ao ar livre como cobertas. Todas elas estão climatizadas a diferentes temperaturas. Recomendamos dar um banho tanto nas de água fria como nas de água quente, já que este contraste favorece a circulação sanguínea.

Você também poderá aproveitar os inúmeros pontos de hidromassagem das piscinas. Estes jatos termais permitirão tonificar a pele através da talassoterapia, que também é muito recomendada para tratar doenças como o reumatismo e outras semelhantes. As termas dispõem também de restaurante e de um centro de massagens, onde você poderá ir por conta própria para receber um dos tratamentos realizados pelos profissionais do setor. Além disso, o complexo abriga vários espaços infantis onde você poderá se banhar com as crianças. Por volta de 18h o motorista o buscará para levar de volta ao hotel. Viu quanta coisa? E a lista sobre o que fazer na Argentina no Inverno não acabou.

Excursão às termas de Gualeguaychú
Foto: Civitatis

Excursão de alta montanha pelos Andes e você vai entender melhor as nuances da Argentina

Por cerca de 19 horas você viverá esta aventura. Percorra as paisagens andinas da província de Mendoza com esta excursão saindo de San Rafael. Você visitará o mirante do Aconcágua e a Ponte do Inca, entre outros pontos icônicos da cordilheira. A retirada no seu hotel será por volta das 4 horas da madrugada, rumo a San Carlos. Neste povoado da província de Mendoza, você desfrutará de um delicioso café da manhã, durante o qual você poderá escolher entre chá ou café para acompanhar deliciosos croissants.

Depois de repor forças, continuará a excursão pelo majestoso vale de Uco, de onde começará a ver a Cordilheira dos Andes. A próxima parada será na represa de Potrerillos, onde observará o seu colossal dique. De lá, subirá até o incrível vale de Uspallata.

Seguindo o curso do Rio Mendoza, você e seu grupo conhecerão as paisagens andinas de alta montanha, situadas junto à Ponte de Pichueta e à estação de esqui de Los Penitentes. Será feita uma parada nesse ponto para que, quem quiser, possa contemplar as vistas a bordo do teleférico.

Em seguida, o grupo irá ao Monumento Natural da Ponte do Inca para ver esta estrutura de pedra sobre o Rio Cuevas. Muito perto de lá se encontra o mirante de Aconcágua, que com os seus 6.962 metros, é a montanha mais alta da América. Do mirante, você seguirá a rota até o Cristo Redentor dos Andes, onde chegará ao ponto de maior da altitude da nossa rota: 4.000 metros! Depois de contemplar esta escultura, situada na fronteira entre a Argentina e o Chile, irá a Las Cuevas para que você possa recarregar as energias por conta própria. O final da excursão está previsto para 23h.

Excursão de alta montanha pelos Andes e você vai entender melhor as nuances da Argentina
Foto: Civitatis

Conteúdos Relacionados


Um comentário

  1. Pingback: O que fazer na Argentina no inverno – Blog do Raimundo Cunha – Jornalismo político com responsabilidade

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*