7 dicas para viajar em família sem gastar muito

Viajar em família exige cuidado e planejamento para escolher um destino com atrações que agrade a todos, que renda boas lembranças e que ainda se encaixe no orçamento. O Viajar é Vida traz agora 7 dicas para viajar em família sem gastar muito, porém aproveitando cada minuto da viagem.

Pesquise seu destino está entre as 7 dicas para viajar em família sem gastar muito

Hojeem dia é muito mais fácil ter acesso às inúmeras opções. Pesquise nas páginas oficiais do lugar escolhido, em blogs, sites especializados, redes sociais, troque informações, leia avaliações e classificações, peça dicas a quem já foi. Isso vai te ajudar a encontrar as atividades perfeitas para manter a sua família entretida.

Leve me conta algumas questões: distância e tempo que você levará no percurso, atrações locais para seus filhos, qualidade e informações gerais sobre o meio de hospedagem, acesso do meio de hospedagem até as principais atrações. Observe ainda o clima, afinal ele é o que determinará o tipo de bagagem que será levado.  

Pesquisar bem antes o destino é uma das 7 dicas para viajar em família sem gastar muito
Foto: marcisim/Pixabay


Fale com seus filhos e oriente sobre as expectativas

Entre as 7 dicas para viajar em família sem gastar muito é importante ter uma conversa com seus filhos antes para não gerar expectativas. E ter certeza de que eles entendem que é preciso seguir um orçamento para a viagem. Outra grande dica é dar uma quantidade de dinheiro para gastar em doces, jogos, etc. Com essa ação simples, eles ficarão felizes em fazer parte da “equipe” e começar a se sentir mais independentes.

Como uma viagem deste porte exige planejamento, já vá fazendo tarefas em casa, utilizando a viagem como premiação. E ensinando sobre economia, divisão de tarefas, sobre o esforço que é para ir fazer uma viagem tão divertida.

Considere o que você come

Essa é uma boa dica para quem precisa economizar. Opte por lugares como flats, que possuem cozinhas nos apartamentos e permitem cozinhar a própria comida. Airbnb é também uma boa opção, que pode ser mais barata e ainda permite vivenciar um pouco mais a cultura local. Outra dica é preparar lanches para as refeições durante o dia, como sanduíches, em vez de comprar comida nos parques, praias ou florestas, por exemplo.

Definida essa questão, não se esqueça que os meios de hospedagem são diferentes entre si e que se tiver de preparar algo, melhor mesmo é optar por algum onde exista cozinha. E novamente coloque seus filhos na “brincadeira”. Todos podem colaborar em lavar uma louça, guardar os mantimentos, essas coisas…

Para uma viagem sem muitos custos, vale observar a alimentação
Foto: Marie Sörlin/Pixabay

Preste atenção na alimentação

Mais do que só considerar onde, é preciso pensar também no quê! Seus filhos ainda são pequenos, necessitam de alimento especial como leites em pó? Esses itens precisam estar na sua lista de material para levar. Para viagens longas, seja de carro, ônibus ou avião, convém separar uma lancheira com alimentos que possam ser úteis também. Uma fruta já descascada ou que não exija a retirada da casca, algumas amêndoas, amendoins e castanhas, suco de caixinha ou água de coco, barras de cereais e sanduíches sem alimentos facilmente perecíveis. Parece muita coisa, mas com isso você pode entreter o pequeno na viagem e evitar choros ao longo do trajeto. Esta é mais uma das 7 dicas para viajar em família sem gastar muito.

Poder cozinhar ou fazer lanches no meio de hospedagem é uma das 7 dicas para viajar em família sem gastar muito
Foto: Luidmila Kot/Pixabay


Faça a reserva de um carro alugado

Antes de viajar, dê uma olhada nas opções de aluguel de carros em seu destino – sempre há promoções e cupons para garantir o melhor preço disponível. Algumas empresas estão facilitando essa busca e trazendo promoções em épocas específicas. Agora é possível verificar preços e condições que melhor se adaptam às suas necessidades. Você também pode se inscrever em programas de descontos para conseguir economizar ainda mais.

Além disso, ter um carro à disposição, vai facilitar sua estada no outro lugar com as crianças. Não se esqueça que dependendo da idade, pode ser necessário o uso da cadeirinha. Informe-se durante a reserva sobre o equipamento. Dependendo de quantas diárias, é possível barganhar o aparelho.

Alugar carro para ter seu próprio tempo é uma dica importante para gastar menos nas viagens
Foto: Eva Mospanova/Pixabay

Aproveitar as atrações gratuitas está entre as 7 dicas para viajar em família sem gastar muito

NoBrasil, Estados Unidos ou Europa, sempre existem algumas atrações que cabem no bolso e são um verdadeiro “achado” para quem não quer gastar muito. São dias específicos do mês em que a visita em museus é gratuita, promoções locais ou ainda ofertas para estudantes ou crianças. Pesquise bem antes de ir para montar seu planejamento e aproveitar bem as atrações gastando pouco. 

Fique atento ao que deseja fazer e faça uma lista de possiblidades diárias do que visitar. Assim você já consegue encaixar nas datas aquelas atrações que são gratuitas apenas naquele dia. Museus, por exemplo, geralmente são gratuitos na segunda-feira. O zoológico de Nova York é meia entrada toda segunda quarta-feira do mês.

Os programas gratuitos são vários, basta planejar para uma viagem em família sem muitos custos
Foto: Tabeajaichhalt/Pixabay

7 dicas para viajar em família sem gastar muito: leve brinquedos

Os brinquedos que seu filho já possui servirão para várias coisas ao longo da viagem. Primeiro para ele se entreter no trajeto. Escolha aqueles brinquedos que são os preferidos. Se possível, leve seu celular com os jogos ou desenhos animados preferidos e não se esqueça do fone de ouvido. Se precisar, aproveite o período de planejamento para acostumar seu filho com o uso do fone de ouvido. Respeitar os passageiros do lado é um fator importante.

Com o brinquedo preferido do seu filho, você terá também argumento caso ele queira novos brinquedos. Outra sugestão  que tem mais a ver com sua experiência do que com os custos, se for criança pequena, leve o carrinho de bebê. Depois de um dia de caminhadas, corridas e visitas, vocês estarão super cansados e levar uma criança no colo poderá ser um problema.

Com o próprio brinquedo você entretém e ainda consegue evitar novas compras durante a viagem
Foto: Dariusz Sankowski/Pixabay

E aí, gostou destas 7 dicas para viajar em família sem gastar muito? Que outras o Viajar é Vida poderia acrescentar?  Deixe seu comentário.  


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*