O que fazer em Curitiba

A capital do Paraná tem mais a oferecer do que a maioria imagina. Com quase 2 milhões de habitantes, a cidade tem um grande acervo cultural para oferecer a seus visitantes, assim como também possui uma leva enorme de pontos turísticos. Sem mais delongas, vamos descobrir juntos o que fazer em Curitiba?

O Jardim Botânico e suas belezas é algo o que fazer em Curitiba

O mais famoso ponto de turismo não é elogiado à toa! O Jardim Botânico é uma parada obrigatória para aqueles que estão de visita na cidade. A encantadora cúpula de vidro que adorna o jardim é inspirada no Palácio de Cristal de Londres e promete um passeio repleto de belezas para a família.  Além disso, o jardim recebe manutenção não importa a época do ano, então você sempre encontrará uma bela paisagem para apreciar! O ponto turístico é o favorito dos turistas por sua tranquilidade e beleza.  Aproveite para ver o pôr do sol no local, dizem que é uma visão de perder o fôlego! A entrada é gratuita.

Foto: Jerzy Andrzej Kucia

O inesquecível pôr do sol do Parque Tanguá

Um edifício disposto em semicírculo, com uma passarela suspensa e em frente a um espelho d’água: essa é a vista do Parque Tanguá, em Curitiba. Com uma área verde de 235 mil metros quadrados, é possível aproveitar atividades de lazer como piquenique. Além disso, o local – com entrada gratuita – possui um mirante estratégico com uma linda vista da cidade.  Muitos relatam que o pôr do sol do local também é um espetáculo que vale a pena ser conferido e resulta em fotos impressionantes!

Foto: Rafael Pignataro

Arte e cultura na Ópera de Arame

Há poucas arquiteturas mais impressionantes que a Ópera de Arame. Como o Jardim Botânico, o local possui uma cúpula de vidro sob a qual são feitos diversos espetáculos e apresentações. Junto com o Espaço Cultural Paulo Leminski, a Ópera de Arame é dedicada a exibição de manifestações artísticas da região. Como área pública a Ópera tem entrada gratuita, entretanto, recomendamos não só a visita, mas conferir uma das apresentações durante sua estadia em Curitiba. Para isso, entre em contato com antecedência para se informar sobre os preços e horários das exibições. Viu, está crescendo a lista sobre o que fazer em Curitiba.

Foto: Prefeitura

O Mercado Municipal oferece degustação e animação

O Mercado Municipal de Curitiba se tornou uma grande atração para os turistas que visitam a cidade, sem deixar de fora seus compatriotas. Por isso, quando for visitar o local provavelmente vai encontrar praças de alimentações lotadas, especialmente em finais de semana.  

O lugar conta com uma variedade imensa de alimento, de frutas a carnes a cervejas importadas, e é um ótimo lugar para se reunir com os amigos e se divertir. É um ótimo lugar, também, para provar da gastronomia tradicional do Paraná.

Como se não houvesse razões o suficiente para a visita, o Mercado Municipal de Curitiba também promove eventos e apresentações temáticas como o Cacharitiba (festival da cachaça), Halloween e Natal. Antes de viajar, confira as programações do mercado para não perder nada!

Foto: Prefeitura

O “Museu do Olho” tem assinatura famosa

Acho que está faltando um pouco de arte nessa lista. E o Museu Oscar Niemeyer esbanja dela. Da sua estrutura até seu acervo, o museu transmite uma aura artística a quem o visita. Localizado no centro da cidade, a rampa sinuosa – características do arquiteto Oscar Niemeyer – nos leva direto ao que os curitibanos chamam de Olho.  O horário de funcionamento do museu é de terça a domingo das 10h às 18h, e o ingresso custa R$ 20, estudantes pagando a metade. Mas fique atento! Às quartas-feiras a entrada é gratuita para todos. Procure planejar-se para economizar.

Foto: Kariny Martins

Lembre-se da história mundial no Museu do Holocausto

Curitiba tem diversos museus em seu arsenal, mas se tem um que chama atenção é o Museu do Holocausto de Curitiba. Com objetos e registros remanescentes da Segunda Guerra Mundial o local tem como objetivo lembrar os momentos de horror vividos de 1939 a 1945 e refletir sobre a intolerância vivida na época. O acervo é rotativo, porém é disponibilizado sem exceção no acervo digital, em seu site. Uma curiosidade interessante é que o Museu do Holocausto de Curitiba foi o primeiro do gênero no país. A visita é gratuita, mas deve ser obrigatoriamente agendada previamente através do site oficial.

Foto: Museu do Holocausto

Um passeio simples, mas vantajoso entre as dicas do que fazer em Curitiba

Está sem tempo? A Linha de Turismo, famoso ônibus turístico da cidade, faz um trajeto por todas as principais atrações de Curitiba. Para aqueles viajantes que querem economizar como transporte essa é uma ótima opção já que a passagem custa R$ 45 e o circuito inclui quatro paradas para possíveis embarques ou desembarques. As passagens podem ser compradas em qualquer uma das paradas (são em torno de 24), ou seja, efetuar a compra diretamente no ônibus ou na Rodoferroviária municipal. Porém o pagamento deve ser feito em espécie. Mais uma dica sobre o que fazer em Curitiba!

Foto: Divulgação
Foto: Rodrigo Muller

Foto: Rodrigo Muller

E você, quais são suas experiências na capital dos paranaenses? Que outras dicas você daria sobre o que fazer em Curitiba? A gente sabe que a lista é grande e que o boca a boca é a alma do negócio. Divida com o pessoal que lê o Viajar é Vida.


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*