7 perguntas sobre a África do Sul

A lista é grande, porém, vou elencar inicialmente 7 perguntas sobre a África do Sul. Viajar para a África do Sul é entender a diversidade das cidades africanas. A diferença é gritante entre Cidade do Cabo (ou Cape Town) e Joanesburgo. A beleza de Cape Town vai além da sua geografia recortada. Ela tem características que a tornam ainda mais bela. O vento é o responsável por empurrar toda e qualquer poluição da cidade para o mar. Ele também é o responsável por um fenômeno que torna a água do Atlântico mais fria no Verão do que no Inverno. Durante a estação mais quente, os banhos são entre 10 e 14 graus, por isso a maioria das casas litorâneas mantém suas próprias piscinas, para aproveitar o calor curtindo a paisagem, mas sem encarar as ondas. Já nas encostas, uma lei assegura a não ocupação, situação que se repete por algumas praias onde é proibido tapar a vista para o mar. Por isso, levantamos os temas e respondemos agora 14 perguntas sobre a África do Sul. 

1. Existem alguns critérios para visitar a África do Sul?

É exigida a vacinação contra a febre amarela. O cartão é olhado tanto na África do Sul quanto no retorno ao Brasil. Não há a necessidade de visto.

2. Como é o esquema de gorjetas?

Observe sempre a conta, conferindo os itens consumidos e se a taxa de serviço já está incluída. Geralmente o valor é de 14% do total da conta. Além disso, os estabelecimentos deixam um campo em aberto solicitando uma gratificação. Caso você tenha se convencido que o serviço foi bom e merece a gorjeta, sugira um valor em rands e faça a soma do que será pago no final. Se o serviço não estiver descrito, é de bom tom ofertar pelos menos os 14%.

3. Cape Town é segura?

O índice de criminalidade é bem baixo o que torna a cidade segura. Mas não fique de bobeira nos seus momentos de turista. Nada de estar com a mochila nas costas ou carteira no bolso de trás enquanto está concentrado fazendo fotos. O mesmo vale para o celular. Não pareça um turista desavisado. A polícia orienta sobre batedores de carteira em locais de muita concentração de pessoas, mas faz a sua parte, estando sempre nas ruas. Há muitos pedintes circulando, mas não se impressione. A orientação é dizer “obrigado” e ir caminhando, sem dar muita atenção a eles. Esta é apenas a terceira das 7 perguntas sobre a África do Sul.

4. Qual o clima da cidade?

Cape Town é uma cidade praiana, com calor no Verão e frio no Inverno. Fica na mesma linha de Buenos Aires, então, já viu como ficam as temperaturas nestas duas épocas do ano, né?! Segundo os moradores, chove pouco por lá e, quando chove, geralmente é de maneira rápida e principalmente no Inverno. Mas troveja. E muito. E os raios cortam os céus em uma tempestade seca, sem nuvens ou chuvas. Os dias de Verão são longos e os pores do sol são os mais incríveis que já vi. Mas ainda faltam várias outras respostas sobre a África do Sul. Role até embaixo. 

5. De Cape Town como chegar ao Cabo da Boa Esperança?

Existem várias formas, vai depender do seu bolso. Dá para alugar um carro e dirigir por cerca de uma hora e meia para chegar até lá. Os veículos são no sistema de trânsito inglês, com o volante no lado direito. Caso tenha dificuldade em dirigir ao contrário do que é no Brasil, solicite um Uber. Como é uma viagem mais longa, o mesmo condutor pode esperar para trazer você de volta para Cape Town. Talvez vocês tenham que combinar o retorno sem o uso do aplicativo, daí é importante ter dinheiro em espécie para pagar ao motorista. Os táxis são outra maneira possível de se chegar lá, mas tente combinar os valores fechados antecipadamente. Viajar com o taxímetro ligado pode ser uma desagradável surpresa. Tem ainda os ônibus de turismo (vermelhos de dois andares) que levam até lá e esperam para o retorno. Se estiver em hotel, pode adquirir excursões em empresas especializadas que levam tanto de ônibus quanto de vans.

6. Onde se hospedar em Cape Town?

Como em outros países, ficamos em um apartamento alugado pelo aplicativo AirBnb. Localizado aos pés da Table Mountain, no bairro Green Point, estávamos também do lado do prédio do Parlamento e a cinco minutos de outras atrações como a Long Street. Moderno, aconchegante e num ótimo endereço, nosso prédio era de flats para hóspedes e também moradores. Dois quartos, dois banheiros, cozinha e sala espaçosa com vista incrível da cidade. Mas tem ainda os hostels, mais baratos e bem qualificados. Fica em Cape Town os mais premiados da África do Sul como o The B.I.G. e o The Backpackers. Ou seja, é garantia de boa hospedagem e a chance de conhecer gente do mundo inteiro. Não se esqueça dos hotéis. De uma maneira geral, os gastos são de 20 a 30% mais em conta lá em relação ao Brasil.

7. Como subir a Table Mountain?

Não é necessário ser um atleta para chegar ao topo da Table Mountain, a mais famosa montanha da região. Se quiser, claro, você pode encarar as trilhas de duas a seis horas (dependendo do ponto de partida), mas também poderá entrar no teleférico e ir para cima sem qualquer esforço. A estrutura foi construída em 1929, mas levou 27 anos para completar 1 milhão de visitantes! O volume atual de público é bem alto e, dependendo do vento, o cable car pode ser fechado. Por isso, fique atento às orientações dadas pela equipe de trabalho.

Fique atento que estas 7 perguntas sobre a África do Sul foram apenas as primeiras. Em breve o Viajar é Vida trará mais dicas sobre o país africano.


Conteúdos Relacionados


Um comentário

  1. Pingback: 7 dicas do que fazer na África do Sul

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*