Viajar para a Índia é conhecer um pouco da culinária do país asiático

Viajar para a Índia é conhecer um pouco da culinária do país asiático. Mas, o que comer na Índia quando se resolve fazer uma imersão no país asiático? Bom, salvo alguns restaurantes internacionais, não espere um cardápio ocidental. E prepare-se para uma explosão de sabores, receitas salgadas em refeições que costumeiramente são mais neutras ou doces e muito, mas muito tempero picante. A massala é o nome dado à variedade de ervas, pimentas e afins vendidos em pó. Há diferentes tipos de massala, para preparar  com as várias receitas.

Lembre-se ainda que a comida é outra coisa sagrada na Índia. Tida como uma das mais antigas e a mais tradicional cultura espiritual do planeta, cozinhar é um ato também sagrado, praticamente uma oração. E o alimento é servido antes do consumo em comunhão ao Supremo. Por isso, viajar para a Índia é conhecer um pouco da culinária do país asiático

Cada região do enorme país tem seus pratos típicos, de acordo com os ingredientes possíveis. É mais ou menos como estamos acostumados no Brasil, em que Sul e Norte são completamente diferentes. Comer na Índia também tem esta vibe.

Comidinha de rua, o Vada Pav é um bolinho vegetariano

As comidas de rua são comuns em cada esquina das cidades da Índia. Os indianos param e comem ali mesmo, ou caminhando, entre uma andada e outra. Se você acha que pode experimentar, sem receio de uma intoxicação alimentar, conheça o Vada Pav . Seria um fast food  vegetariano nativo da região de Maharashtra. É um bolinho feito de massa frita com uma batata também frita como recheio. Um molhinho e coentro completam o prato. Ah, não se assuste caso receba seu Vada Pav embrulhado em um jornal. Esse é outro costume bem indiano.

A culinária indiana tem também o frango na manteiga

Muito comum na região norte da Índia, o Frango na Manteiga é feito com a ave marinada em iogurte, além de uma mistura de especiarias. Depois é cozido em molho feito com manteiga e uma pasta de tomate (equivalente ao nosso extrato de tomate). Essa delícia é servida com lentilhas pretas e o Naan, um pão que lembra muito o pão sírio ou as massas de wrap que vemos com frequência no Brasil. Se feito assado no forno de barro, o Naan é chamado de tandoori. Caso seja feito na chapa quente, o nome é chapatti.

“Viajar para a Índia é conhecer um pouco da culinária do país asiático”

Entre o que comer na Índia está a receita de Peixe ao Curry

Em primeiro lugar, curry não é um tempero único, é a mistura de vários. E também pode ser chamado de karil (em referência ao dialeto falado no Sul da Índia). Recheado de aromas, pimentas, sabores e personalidade forte (diria até muita em alguns casos), este tipo de tempero foi levado para a Ásia pelos portugueses. Chegou no século 16 com canela, cravo e cardamomo. Só na Índia recebeu a característica de agora, com base principalmente nas pimentas.

O curry é encontrado na Ásia em pó, pasta ou tablete. É mais comum na versão pó entre os indianos. O pescado ao curry tem uma aparência da moqueca brasileira, fica com bastante molho e pode ser consumido em algumas regiões da Índia como sopa.

Samosa é um dos pratos para comer na Índia

A Samosa nada mais é do que um pastelzinho frito (com massa muito parecida com a do pastel brasileiro) e recheado principalmente com lentilha. Claro que não é a lentilha simples. Ela é bem condimentada, servida com especiarias e aquele toque picante. A Índia é um país essencialmente vegetariano em razão da religião budista e do fato de os animais serem sagrados, como a vaca. Por isso, somente alguns tipos de carne são consumidos.

Vindaloo é receita de origem portuguesa que faz sucesso na Índia

Em hindi, a língua indiana, Vindaloo tem sua origem na chegada dos portugueses em regiões da Índia como Goa. Em português de Portugal, a pronúncia seria Vindalho, já que a carne de porco fica na “vinha-d ’alho” até que pegue sabor para então ser cozida. O prato é temperado com cardamomo, pimenta, canela, gengibre, alho, pó de mostarda e vinagre. Esteja ciente de que este é prato picante, normal na comida indiana. O nome vem do prato português “carne de vinha-d’alhos”. Saboreie esta delícia da comida indiana e nunca mais esqueça!

Caldo verde grosso com queijo especial indiano é o Palak Paneer

Palak paneer é um prato vegetariano feito com uma pasta grossa de espinafre e temperada com gengibre, alho, garam massala e outras especiarias. O palak é o nome dado ao espinafre e o panner é um tipo de queijo, colocado geralmente em cubos dentro do caldo espesso verde.  É servido tanto com arroz como com o Naan, o pão típico da Índia. Em países mais distantes, onde há uma leva grande de imigrantes indianos, o palak panner é facilmente servido em restaurantes, ou seja, se estiver por exemplo pelos Estados Unidos ou Canadá, aproveite para experimentar.

Bebida típica da Índia, o lassi combina com o calor

Em todo o território indiano (olha que ele não é pequeno), o lassi produzido em Varanassi é o mais famoso. Tem um local no meio do emaranhado de vielas próximo ao Rio Ganges que é onde se produz a melhor bebida. Tem filas de gente esperando para experimentar o líquido feito com iogurte, água de rosas e um mix de frutas. Além de refrescar do calor da Índia, a receita ajuda a matar a fome. É realmente muito gostoso. Nos restaurantes da Índia o lassi também é servido.

Viajar para a Índia é conhecer um pouco da culinária do país asiático. Você também tem histórias gastronômicas de uma viagem que fez para lá? Divida com a gente nos comentários.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*