Ônibus panorâmicos levam a diferentes destinos de Malta

Os ônibus hop on hop off  fazem 4 itinerários diferentes no pequeno país europeu. Os famosos ônibus panorâmicos levam a diferentes destinos de Malta. São empresas que recebem a concessão para explorar o transporte. O vermelho faz um trajeto no sul da Ilha, o azul na parte norte e o verde na ilha vizinha, chamada Gozo. Os visitantes pagam um ingresso que tem validade de um dia (durante o período de atendimento do veículo, obviamente). A duração média da viagem é de 3 horas se você permanecer o tempo todo dentro do ônibus. Como é possível sair, dá para aproveitar muitos pontos turísticos do trajeto.

Os ônibus de dois andares com o topo aberto leva o turista a conhecer todos os marcos famosos do sul da ilha de Malta, revelando a história colorida do país. O passeio oferece áudio que conta os detalhes de cada lugar, em 16 idiomas diferentes. O bus vermelho é o que leva ao sul, partindo do Sliema Ferries a cada 30 minutos, a partir das 9h. De segunda a sábado, o último passeio sai de lá às 15h, enquanto aos domingos o último passeio sai às 14h.

Este trajeto circula pelo terminal de ônibus de Valeta, Museu da Guerra e Forte Saint Elmo, Valeta Waterfront, Templos de Tarxien, Igreja Paroquial de Zejtun, Gruta Azul e centro de Falcoaria de Malta, para citar algumas das atrações. Os veículos estão adaptados para receberem cadeirantes.

Cada cor de ônibus leva para um percurso diferente em Malta

Os ônibus azuis seguem para a parte norte de Malta. O passeio panorâmico também conta com áudios explicativos em 16 idiomas, para conhecer com mais detalhes os monumentos da ilha. Este formato oferece a liberdade de planejar seu próprio itinerário e explorar os magníficos marcos e atrações emocionantes pelo tempo que você quiser. A partida também é a cada meia hora, com início às 9h. De segunda a sábado, o último passeio sai de Sliema às 15h, enquanto aos domingos o último passeio sai às 14h.

Neste trajeto é possível visitar os Jardins de San Anton, a Aldeia de Artesanato Ta’Qali, o Museu da Aviação, a Igreja de Mosta, a Villa Romana e a Igreja de Mgarr. O Aquário Nacional de Malta e o Splash & Fun Park também integram a lista de atrativos desta rota.

Verde circula pela ilha de Gozo

E se os ônibus panorâmicos levam a diferentes destinos de Malta, o que circula por Gozo foi cuidadosamente projetado para levar o turista pela ilha de Gozitan, com passeio que leva 2 horas e 45 minutos. Os pontos e atrações turísticas visitados são os templos de Ggantija, a Baía de Dwejra e algumas praias. O veículo verde parte do terminal Mgarr Gozo a cada 45 minutos, a partir das 9h40min e está disponível todos os dias. Vale destacar que os ingressos para o Ferry Boat e para os museus não fazem parte do pacote.

Conheça as principais atrações de Malta à noite

Quando cai a noite, os famosos marcos de Malta são iluminados e o turista certamente verá algumas das vistas impressionantes da ilha sob outra ótica. O Malta by Night Tour é organizado de março a meados de novembro, nas segundas, quartas e sextas-feiras. O passeio parte de Bugibba e passa por várias áreas, nos mesmos ônibus de dois andares que mantém sistema de áudio em 16 idiomas diferentes.

Como os ônibus panorâmicos levam a diferentes destinos de Malta, neste percurso o turista conhece lugares como Paceville, St. Julian’s, Sliema, Msida, Valeta, Forte Saint Elmo, os Aquedutos e Mdina, a cidade medieval, com uma parada de uma hora. Todo o trajeto leva cerca de 4h. Os valores da diária giram em torno de 20 euros para adultos, 15 euros para pessoas entre 5 e 15 anos e é de graça para crianças menores de 5 anos.

Sim, Malta é um país!

Malta é um arquipélago que fica na região central do Mar Mediterrâneo, entre a Sicília (na Itália) e a costa do norte da África. É um país, independente, conhecido por locais históricos relacionados a uma sucessão de governantes, entre eles os romanos, os mouros, a Ordem Soberana e Militar de Malta, os franceses e os britânicos. Malta conta com um grande número de fortalezas, templos megalíticos e o Hipogeu de Hal Saflieni, além de um complexo subterrâneo de corredores e câmaras funerárias que data aproximadamente de 4.000 antes de Cristo. Ou seja, possibilidades diversas para os turistas conhecerem.

De toda a União Europeia, Malta é o país que tem a habitação mais antiga, datada de 5.200 anos a.C. Cerca de 95% da população (de 420 mil habitantes) vivem na área urbana. O país tem um terreno rochoso e muitas falésias no litoral, o que dá o charme ao lugar. Prepare-se para construções em tons terrosos, muito bege e/ou amarelo, seguindo as cores do solo. São apenas 316 quilômetros quadrados de área, fáceis de serem visitados em uma estada curta no país.

Malta é um destino ainda pouco conhecido da maioria dos brasileiros. Se você já esteve por lá, qual dica daria para os leitores do Viajar é Vida?


Conteúdos Relacionados


Um comentário

  1. Pingback: 7 melhores atrações para viajar sozinho a Malta Viajar é Vida!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*