Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navio

É o sonho de muita gente. E os cruzeiros estão cada vez mais em conta, tornando-se uma grande novidade para quem curte viajar. O Viajar é Vida pergunta: Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navio. Veja se suas dúvidas podem ser respondidas com este conteúdo.

Saiba quais os documentos necessários para o embarque num cruzeiro

Vai depender por onde será a viagem. Nas viagens nacionais ou América do Sul, o documento de identidade com foto está ok. Mas tem mesmo que ser a Carteira de Identidade! A carteira de motorista não é aceita como documento. Em caso de viagem internacional, o passaporte é exigido. E preste atenção: ele tem que ter validade de 6 meses e será necessário o visto dos países de embarque e desembarque, assim como aqueles que forem visitados durante a viagem. Ou seja, tem que saber com antecedência por onde irá passar para verificar a necessidade ou não do visto e providenciar junto aos órgãos competentes.

Outra questão importantíssima: cartão de vacinas. Alguns países cobram comprovante de vacinação contra algumas doenças como a febre amarela. O cartão tem que estar com certificação internacional. Mais uma coisa: menores de idade precisam de autorização especial se estiverem viajando desacompanhadas. O documento é tirado no site da Polícia Federal.

Foto: Susann Mielke

Como é feito o check-in para entrar no navio?

O check-in pode ser feito on-line com até 3 dias de antecedência. A companhia que vende as passagens tem o site para complementar as informações pessoais e de cartão de crédito (sim, é preciso ter cartão de crédito para viajar). Após se cadastrar, você terá as informações sobre a hora do embarque e  local. Assim como ocorre nas viagens de avião, nas viagens de navio é importante chegar cerca de meia hora antes do horário marcado para poder despachar as malas e entrar na fila de embarque. Ela serve para organizar a entrega dos cartões de bordo. Eles serão sua identificação a bordo.

“Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navio”

Fique atento às regras de segurança e bom-senso a bordo do navio

Pode parecer absurdo dizer isso, mas tem gente que extrapola os limites de segurança. Principalmente quando se hospedam nas cabines externas, que ficam de frente para o oceano. Não se debruce nos parapeitos, muito menos sente-se nele. O ideal mesmo é manter uma distância de segurança do guarda-corpo. Qualquer manobra errada e a pessoa corre o risco de cair no mar. Isso ocorre principalmente quando envolve bebida alcóolica (dependendo do pacote, ela é liberada a bordo). Também não pode pendurar roupas ou toalhas no parapeito. Esta é mais uma parte do conteúdo: Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navio.

Foto: Coco Parisienne

O cartão de bordo é o seu documento dentro do navio

Ele é a sua chave de entrada na cabine e também onde serão cadastradas as contas (caso não seja um cruzeiro all inclusive, e mesmo estes tem alguns tipos de bebidas que não estão contemplados). O pagamento é feito apenas no final do cruzeiro. Cuidado para não ter uma surpresa não tão agradável.

Alguns cruzeiros permitem a chamada rolha, que é a possibilidade de levar duas garrafas de vinho por cabine. Elas podem ser adquiridas no free-shop que também fica dentro do navio. Mas consulte antes, para evitar contratempos.

Foto: Pixabay

Que tipo de roupa levar para um cruzeiro?

As mulheres são as que mais têm dúvida, mas é bom lembrar de alguns eventos a bordo que exigem um traje específico. Além de entender qual período do ano você viajará (verão, inverno?). Mesmo no auge do verão, tenha sempre uma muda de roupa mais quente, um casaco, por exemplo. É que além do vento em alto mar, os navios possuem ar-condicionado e nas áreas comuns é normal eles estarem com a temperatura bem baixa.

Outro item importante é o traje de banho. Leve 2 ou 3,  para ter tempo de enxugar entre um uso e outro. E tem ainda o traje de gala, já que é comum ocorrer o jantar com o comandante. Para este evento a recomendação é terno para os homens e vestido longo para as mulheres.

Claro que vai ter gente que levará roupa no clima náutico, para fazer muitas fotos! Só fique atento onde estará localizada sua cabine. É que na parte de trás do navio, pode ocorrer de a fuligem da chaminé manchar suas roupas brancas.

Foto: Neufal 54

E o que não pode colocar na mala em uma viagem de navio?

Esse é um item mega importante! Algumas companhias de cruzeiros vetam objetos, além dos já convencionais como arma de fogo ou que sejam pontiagudos. Mas saiba que alguns artigos esportivos também são proibidos. Isso vale para pranchas de surfe, tacos de basebol e qualquer outro que possa servir de arma.

Quer saber que outros elementos são proibidos? Ferro de passar roupas, pranchas de cabelo e bolsas térmicas. Qualquer objeto que emita calor não são permitidos. Caso necessite ao longo da viagem, faça a solicitação ao serviço de bordo. E saiba que eles são cobrados à parte.

E já que estamos falando da bagagem, saiba que quem faz o desembarque das suas malas é a tripulação. Na última noite de viagem, portanto, você precisa fechar a bagagem com suas coisas. Não se esqueça de deixar de fora a roupa que você usará no desembarque. Já aconteceu de os viajantes descerem apenas de pijama. Dica forte deste conteúdo: Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navio, viu?

Foto: Kookay

Orientações sobre comida e remédios a bordo

Se costuma enjoar (e também se não costuma, é comum enjoar durante um cruzeiro), reserve um quarto mais ao centro do navio, de preferência com uma vigia ou varanda. Você ainda pode sentir o movimento do oceano, mas a náusea acaba sendo pior se você não conseguir observar o horizonte.

Leve de casa remédios para enjoo, além de protetor solar, medicação para gripe/resfriado e diarreia, pressão…. Sua farmacinha tem que ser completa, porque no navio eles custam muito mais caro.

A bordo do navio tem muita comida! Os cruzeiros oferecem várias refeições geralmente em serviço de bufê. Se quiser algo a la carte, saiba que isso é cobrado à parte. Além dos restaurantes, os navios costumam ter confeitarias, sorveterias.. você passa o dia inteiro comendo. Fique ligado para não desembarcar com uns quilos a mais.

Foto: Kai Sender

Se quiser equilibrar, faça exercícios na academia, aproveite o spa com massagem e nade na piscina. Além disso, tem a boate, os shows no teatro. Ou seja, uma programação intensa que somente uma viagem de navio pode proporcionar. Curtiu este conteúdo? Pensando num cruzeiro? 7 dicas para viajar de navioQual outra você indicaria?


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*