Pequim inaugura o maior aeroporto do mundo

Foto: divulgação

Pequim inaugura maior aeroporto do mundo durante as celebrações dos 70 anos da criação do regime comunista. Batizado de Aeroporto Internacional de Daxing, a obra fica a cerca de 50km ao Sul da capital chinesa e tem o formato de uma estrela do mar. Uma estação de metrô e uma linha de trem de alta velocidade fazem parte do complexo, instalado em uma área maior do que 25 campos de futebol, ou 47 km quadrados para dar outra dimensão ao local.

A primeira decolagem foi com um avião comercial, um Airbus A380 da companhia China Southern Airlines com destino a Guangzhou, cidade ao Sul do país. Apesar de inaugurado, o novo terminal só estará operando em plena capacidade em 2025, que é quando receberá os 72 milhões de passageiros anuais previstos.

Pequim inaugura maior aeroporto do mundo  com foco neste crescimento e para se tornar bater o recorde mundial no número de passageiros em um único terminal. O projeto é da arquiteta anglo-iraniana Zaha Hadid, que morreu em 2016.

Grandiosidade da obra e oito pistas

E se o modelo atual já é superlativo, em 2040 o local deverá ter oito pistas, sendo uma delas para uso militar, e poderá receber até 100 milhões de passageiros, o que o transformará no maior aeroporto do mundo em capacidade de recepção de viajantes.

O governo chinês comenta que as novas instalações servirão para evitar a saturação do atual aeroporto internacional Pequim/Capital, cujos três terminais estão localizados ao nordeste da gigantesca cidade, atualmente com 21 milhões de habitantes. Este terminal que vinha sendo utilizado sozinho já era o segundo maior do mundo, perdendo somente para o de Atlanta, nos Estados Unidos, hoje o maior mercado de aviação do mundo. Embora seja por pouco tempo, já que a China deve ultrapassar essa posição já em 2020.

Tecnologia de ponta e viagens inteligentes

Claro que uma obra grandiosa como esta tinha que sair na frente quando o assunto é tecnologia.  O maior aeroporto do mundo tem um sistema de viagem inteligente que permite aos passageiros fazer o check-in, despacher bagagem, passar pela segurança e entrar na aeronave sem quaisquer documentos ou passagens. É que todo o processo é garantido por reconhecimento facial.

Além disso, os viajantes podem monitorar as bagagens despachadas com cartões de radiofrequência que permitem a localização em tempo real pelo smartphone. E para pisar ainda mais nos outros terminais do mundo, o novo aeroporto de Pequim fez testes e tem utilizado a tecnologia 5G para internet, cuja velocidade de conexão superou 1,2 gigabit por segundo, o que corresponde a cerca de 100 vezes a velocidade do 4G.

5 passeios imperdíveis em Pequim

Para aproveitar a chance de circular e conhecer o maior aeroporto do mundo, o ideal é se planejar e buscar um roteiro para curtir a China. São estas as dicas de agora: o que fazer em Pequim.

Pequim é uma das cidades mais antigas da China, com cerca de 3 mil anos. É também uma das maiores cidades chinesas. É por lá que você poderá ver:

Praça da Paz Celestial

O nome correto é Praça Tiananmen, porém, foi como Praça da Paz Celestial que este local, próximo a tantos outros pontos turísticos chineses, ganhou fama pelo mundo. É a terceira maior praça do planeta e sua localização é importante para quem deseja circular por Pequim. É em seu entorno que ficam a Cidade Proibida, a sede do parlamento chinês, e o Museu Nacional da China. E se você ainda acha pouco, fica bem no centro da Praça da Paz Celestial o Mausoléu de Mao Tsé-Tung. Os turistas podem ver de perto o corpo embalsamado do líder político.

Cidade Proibida

O antigo palácio imperial da Cidade Proibida é o  maior símbolo turístico de Pequim. Não se engane ao achar que irá ver apenas uma construção, mas sim um complexo de templos, construções, casas, uma verdadeira cidade, onde ninguém poderia entrar ou sair sem a autorização do imperador. Já descobriu de onde veio o nome, né?

Templo do Céu

Com 30 metros de diâmetro e  33 de altura, o Templo do Céu é uma obra do século 16, sustentada por colunas de madeira, ainda hoje de pé, cinco séculos depois. A construção foi no mesmo período da Cidade Proibida e, como ela, não é apenas um único prédio, mas um conjunto com vários outros.

Muralha da China

Em se tratando da grandiosidade da China, a Grande Muralha que fica cerca de 75 km de distância é como se estivesse pela vizinhança. Ela possui milhares de quilômetros de extensão, alguns em cuidadoso estado de conservação e outros muito arruinados.

Palácio de Verão

Considerado o melhor jardim imperial preservado e o maior do mundo, o Palácio de Verão é considerado um museu de jardins na China. Se é beleza da natureza que você deseja, aqui é o lugar certo.


Conteúdos Relacionados


Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*