Comida e mais comida

Sabe por que eu caminho muito pelas ruas de Toronto? Para gastar as calorias de tanta coisa que acabo experimentando. Para começar, a minha “mãe” do Canadá ama tanto receber alunos que acaba demonstrando e até surpreendendo nas refeições. Hoje, por exemplo, o café da manhã foi uma panqueca de banana com calda do xarope conhecido aqui por Maple Syroup. Se você não conhece esse produto que, aliás, simboliza muito a gastronomia local, separei um link bacana.

Mas voltando ao assunto principal: gastronomia. A diversidade cultural está mais do que explícita no que o povo de Toronto leva à mesa. Tem comida japonesa, chinesa, tailandesa, marroquina, etíope, grega, brasileira e tudo o que você possa pensar e desejar. Nos últimos dias fiz um tour por vários bairros e separei algumas fachadas que falam por si.

Em tempo, o prato mais comum por aqui e tipicamente canadense é o Poutine. Trata-se de uma batata cortada à mão, que depois de frita em banha (não pode ser óleo vegetal) é coberta por um molho de carne ou vegetais, finalizada com uma saborosa camada de queijo que derrete sobre a porção. A origem deste prato é francesa, ou seja, ele é muito comum em Quebec e Montreal.

Esta foto é do site Poutini.com  

Tips
– Quer comprar coisas para casa? Então visite Kitchen and Stuff. Eu conheci a loja da Greek Town e comprei coisas incríveis por preços maravilhosos.
– Comprar lembrança para amigos, parentes, bugigangas para a criançada e ainda ter a sensação de que gastou pouco? Bem-vindo à rede Dollarama. As lojas são uma espécie do nosso R$ 1,99 melhorado e tem muita, muita, muita coisa legal. Ah, detalhe, eles não aceitam cartão de crédito. Somente débito ou dinheiro.


Conteúdos Relacionados


Comments are closed.